sábado, 31 de março de 2012

Gabarito exercícios reprodução e embriologia

REPRODUÇÃO

1.     A figura abaixo mostra uma situação jocosa referente à fragmentação de um invertebrado hipotético, em que cada um dos fragmentos deu origem a um indivíduo. Um exemplo real muito conhecido é o da fragmentação da estrela-do-mar, cujos fragmentos dão origem a outras estrelas-do-mar.


a)     Tanto a figura quanto o caso da estrela-do-mar se referem à reprodução assexuada. Explique em que a reprodução assexuada difere da sexuada.
Na reprodução sexuada ocorre recombinação genética enquanto na assexuada os descendentes serão geneticamente iguais ao que lhes deu origem e entre si.
A velocidade do processo reprodutivo é maior na reprodução assexuada e também ocorre em ciclos mais curtos, produzindo mais descendentes.
b)    Dê uma vantagem e uma desvantagem da reprodução assexuada em relação à sexuada.
Vantagem: assexuada, produz grande número de descendentes em menos tempo.
Sexuada, devido à recombinação e a variabilidade, torna a população (espécie) mais adaptável às variações ambientais em ambientes instáveis.
Desvantagem: assexuada, como forma indivíduos geneticamente idênticos, um único fator ambiental poderá eliminá-los.
Sexuada, os ciclos reprodutivos são bem mais longos em relação a reprodução assexuada.

2.     Os seres vivos podem reproduzir-se sexuada ou assexuadamente. Sobre este assunto, destaque a afirmativa correta:
a)     A reprodução assexuada promove maior variabilidade genética e produz grande quantidade de descendentes.
b)    A reprodução assexuada se caracteriza pela presença de meiose, formação de gametas e fecundação.
c)     A reprodução sexuada, exceto quando ocorrem mutações, produz indivíduos geneticamente iguais.
d)    O brotamento é um tipo de reprodução assexuada, em que os descendentes são formados por mitoses.
e)     A reprodução assexuada permite uma evolução mais rápida das espécies.
Resposta: D

3.      “O tatu, mais a mulita
É a lei da sua criação
Sendo macho, não pode ter irmã;
Sendo fêmea, não pode ter irmão.” (Cancioneiro Guasca)
A quadrinha do cancioneiro gaúcho citada acima se refere a um tipo especial de reprodução que ocorre naturalmente em alguns animais, como o tatu, por exemplo, e “acidentalmente” na espécie humana. Assinale a alternativa que condiz com tal processo.
a)     Partenogênese
b)    Pedogênese
c)     Poliovulação
d)    Poliembrionia
e)     Metagênese
Resposta: D

4.     “George Savalla Gomes nasceu numa família circense, na cidade de Rio Bonito, interior do estado do Rio de Janeiro. Seus pais eram os trapezistas Elisa Savalla e Lázaro Gomes (George literalmente nasceu no circo, pois sua mãe grávida estava fazendo performance de trapézio quando entrou em trabalho de parto em pleno picadeiro). Deu início à sua carreira como palhaço Carequinha aos cinco anos de idade, no circo de sua família, quando este estava em apresentação em Carangola, cidade do interior do estado de Minas Gerais. Aos doze era palhaço oficial do Circo Ocidental, pertencente ao seu padrasto.
Em 1938, estreou como cantor na Rádio Mayrink Veiga no Rio de Janeiro, no programa Picolino.
Já na televisão brasileira teve como marco o fato de ter sido o primeiro palhaço a ter um programa, o "Circo Bombril" (posteriormente rebatizado "Circo do Carequinha"), programa que comandou por 16 anos na TV Tupi nas décadas de 1950 e 1960.” http://pt.wikipedia.org/wiki/Carequinha
Muitas músicas e bordões foram criados e disseminados por ele, como por exemplo, o mencionado abaixo, assinale a alternativa que pode explicar o fenômeno correspondente.
"Ai, ai, ai, carrapato não tem pai."
a)     neotenia
b)    partenogênese
c)     conjugação
d)    poliembrionia
e)     cariogamia
Resposta B

5.     Existem semelhanças entre os ciclos de vida de muitos animais celenterados (águas-vivas, por exemplo) e os de plantas, como os musgos e as samambaias.
a) Qual o tipo de ciclo de vida compartilhado por esses seres?
 Metagênese.
b) O que caracteriza esse tipo de ciclo?
Alternância de gerações.

6.     Observe o esquema.

Identifique
a)     O órgão produtor de gametas.
São os testículos, indicados pela seta 1.
b)    As estruturas indicadas pelas setas 5, 6, 8 e 4.
São: 5 o ducto ou canal deferente, 6 a uretra, 8 o epidídimo e 4 a bexiga urinária.
c)     No desenho aparece indicado uma das glândulas que produzem o líquido seminal. Que número indica essa glândula e quem é ela? Cite as duas outras glândulas.
O líquido seminal é produzido pela vesícula seminal indicado pela seta três. As demais glândulas são a próstata (2) e as glândulas bulbo uretrais sem indicação.

7.     Foram feitas medidas diárias das taxas dos hormônios: luteinizante (LH), folículo estimulante (FSH), estrógeno e progesterona, no sangue de uma mulher adulta, jovem, durante vinte e oito dias consecutivos. Os resultados estão mostrados no gráfico:

Os períodos mais prováveis de ocorrência da menstruação e da ovulação, respectivamente, são:
a)     A e C
b)    A e E
c)     C e A
d)    E e C
e)     E e A
Resposta E

8.     A figura mostra os níveis de diferentes hormônios ao longo do ciclo menstrual de uma mulher: em A, os hormônios gonadotróficos e, em B, os hormônios esteróides


a)                   A que hormônios correspondem, respectivamente, as curvas 2 e 3? Qual a função desses hormônios?
As curvas 2 e 3 correspondem respectivamente aos hormônios LH (hormônio luteinizante) e estrógenos. Suas respectivas funções são respectivamente, LH - estimular a ovulação e a formação do corpo lúteo e estimular o desenvolvimento do endométrio e também determinar as características sexuais secundárias femininas.
b)                   Após a ovulação dessa mulher, teria havido fertilização do óvulo e nidação? Justifique.
Não ocorreu a fecundação, pois, observando os gráficos vê-se a queda dos hormônios, em especial da progesterona que indica a redução do corpo lúteo e posteriormente a descamação do endométrio.
9.     Com relação ao esquema abaixo, responda as seguintes perguntas:

a)     Qual o fenômeno representado?
A espermatogênese.

b)    Quais as fases indicadas pelas chaves I, II, III e IV?
I - multiplicação; II - crescimento; III - maturação e IV - espermiogênese
c)     Quais as células indicadas em 1, 2, 3 4 e 5?
1 – espermatogônias, 2 - espermatócito primário, 3 - espermatócitos secundários, 4 - espermátides e 5 - espermatozoides

TIPOS DE OVOS E SEGMENTAÇÃO

10.  Qual a diferença, no desenvolvimento embrionário, entre animais com ovos oligolécitos e animais com ovos telolécitos?
a)     Número de folhetos embrionários formados
b)    Presença ou ausência de celoma
c)     Presença ou ausência de notocorda
d)    Tipo de segmentação do ovo
e)     Formação do tubo neural.
Reposta D

11.  Com relação ao processo de clivagem ou segmentação do ovo, seria correto afirmar:
I.              A orientação do plano de clivagem depende da orientação do fuso mitótico
II.             Quanto maior a quantidade de vitelo no ovo, mais restrita é a área de clivagem
III.            As diferenças entre os padrões iniciais de clivagem são determinadas pela distribuição de vitelo no ovo.
Nessa questão, responda:
a)     se todas as proposições estiverem incorretas
b)    se as proposições 1 e 2 estiverem corretas
c)     se todas as proposições estiverem corretas
d)    se as proposições 1 e 3 estiverem corretas
e)     se as proposições 2 e 3 estiverem corretas.
Resposta C

12.  Os tipos de segmentação: I. holoblástica igual; lI. holoblástica desigual; III. meroblástica ocorrem com as seguintes classes de animais, respectivamente:
a)     anfíbio, réptil e ave
b)    anfíbio, réptil e mamífero
c)     ave, réptil e mamífero
d)    mamífero, anfíbio e ave
e)     réptil, ave e mamífero.
Resposta D

13.  O esquema representa a vista superior de um tipo de segmentação classificada como parcial e discoidal.
Observando‑se o esquema proposto, pode‑se concluir que esse tipo de segmentação:
a)     é certamente o que ocorre nas aves
b)    ocorre em anfíbios e répteis
c)     é exclusivo dos peixes
d)    ocorre em todos os animais que põem ovos
e)     é restrito aos cordados primitivos.
Resposta A

14.  Um óvulo com quantidade média de vitelo distribuída irregularmente, ficando o núcleo deslocado para um dos pólos da célula, pode ser de:
a)     anfíbio e sofreria clivagem meroblástica
b)    anfíbio e sofreria clivagem holoblástica desigual
c)     ave e sofreria clivagem holoblástica desigual
d)    anfioxo e sofreria clivagem holoblástica igual
e)     equinodermo e sofreria clivagem holoblástica igual .
Resposta B

15.  A análise de três grupos de ovos em desenvolvimento apresentou as seguintes características:
Grupo I: ovos com distribuição razoável de vitelo, com segmentação holoblástica.
Grupo II: ovos ricos em vitelo, com segmentação meroblástica.
Grupo III: ovos pobres em vitelo, com segmentação holoblástica.
Os ovos desses grupos poderiam ser, respectivamente:
a)     sapo, galinha e ouriço do mar
b)    galinha, sapo e macaco
c)     cachorro, galinha e sapo
d)    galinha, ouriço do mar e homem
e)     ouriço do mar, macaco e sapo.
Resposta A

EMBRIOGÊNESE

16.  A figura representa um corte através de uma blástula. Pela disposição dos blastômeros e do vitelo, pode-se afirmar que essa blástula se originou a partir de um ovo:

a)     telolécito
b)    centrolécito
c)     heterolécito
d)    oligolécito
e)     alécito
Resposta A

17.  A notocorda é uma estrutura embrionária que:
a)     dá origem aos somitos
b)    persiste no adulto de todos os vertebrados
c)     desaparece no anfioxo adulto
d)    é substituída pela coluna vertebral nos vertebrados
e)     dá origem à coluna vertebral dos mamíferos.
Resposta D

18.   No desenvolvimento embrionário dos animais, existem etapas características nas quais ocorrem processos mais ou menos semelhantes. Observe que há uma seqüência cronológica igual para todos os grupos zoológicos, traduzindo a "origem comum" dos metazoários. Os principais "momentos" pelos quais passam os embriões de diferentes grupos são:
1.     segmentação
2.     mórula
3.     blástula
4.     gástrula
5.     nêurula.
Para você visualizar o que ocorre em cada uma dessas fases, basta relacioná las corretamente com os eventos abaixo.
A.    Formação de tubo neural
B.    Proliferação do ovo originando os blastômeros
C.    Micrômeros e macrômeros envolvendo pequena cavidade central
D.    Intensas modificações dos blastômeros originando três folhetos embrionários
E.    Formação de uma estrutura esférica e maciça.
Assinale a alternativa que contém a seqüência correta dos "momentos" do desenvolvimento embrionário.
a)     1E, 2B, 3A, 4D, 5C
b)    1B, 2E, 3C, 4D, 5A
c)     1A, 2C, 3E, 4B, 5D
d)    1C, 2D, 3A, 4E, 5B
e)     1D, 2A, 3E, 4B, 5C
Resposta B

19.  Estágio do desenvolvimento embrionário de anfioxo:
Qual a alternativa errada?
a)     Este esquema representa uma gástrula, que foi precedida pela blástula
b)    1 representa o ectoderma e 2  o endoderma
c)     3 representa o intestino primitivo e 4 dará  origem  ao  ânus
d)    O mesoderma será formado a partir de 1
e)     1 originará a epiderme e o sistema nervoso
Resposta D

20.  Durante o desenvolvimento embrionário de vários vertebrados, observamos nitidamente algumas fases, caracterizadas pelo aparecimento de determinadas estruturas. A seqúência correta dessas fases está representada na alternativa:
a)     mórula - blástula - gástrula – nêurula
b)    mórula - blástula - nêurula – gástrula
c)     blástula - mórula - gástrula – nêurula
d)    mórula - gástrula - blástula – nêurula
e)     blástula - mórula - nêurula – gástrula
Resposta A

21.  O esquema a seguir representa, em corte transversal, o embrião de um cordado. A notocorda, o tubo neural, o celoma e o arquêntero são representados, respectivamente, por:
a)     1, 2, 3, 4
b)    2, 1, 3, 4
c)     4, 3, 2, 1
d)    1, 2, 4, 3
e)     2, 1, 4, 3
Resposta E

ANEXOS EMBRIONÁRIOS

22.  Qual das alternativas é a melhor explicação para a expansão e o domínio dos répteis durante a Era Mesozóica, incluindo o aparecimento dos dinossauros e sua ampla distribuição em diversos nichos do ambiente terrestre?
a)     Prolongado cuidado com a prole, garantindo proteção contra os predadores naturais
b)    Aparecimento de ovo com casca, capaz de evitar o dessecamento
c)     Vantagens sobre os anfíbios na competição pelo alimento
d)    Extinção dos predadores naturais e conseqüente explosão populacional
e)     Abundância de alimentos nos ambientes aquáticos abandonados pelos anfíbios.
Resposta B

23.  "Vocês querem saber o que foi que os mamíferos inventaram, que é ainda melhor do que o ovo que se enterra no chão ou se bota no ninho? Pois os mamíferos [ ... ]. " (Ribeiro, J. U. O sorriso do lagarto.) A frase poderia ser completada com uma característica que diferenciasse os mamíferos dos outros vertebrados. Essa característica é:
a)     controle da reprodução através de hormônios
b)    controle da temperatura corporal
c)     estruturas adaptadas para fecundação interna
d)    placenta como órgão de interface materno‑fetal
e)     presença de glândulas de secreção.
Resposta D

24.  Através da placenta, estrutura que contém tecidos da mãe e do embrião, o organismo materno fornece oxigênio e nutrientes, recolhendo também os resíduos do metabolismo do embrião.
Em condições normais, o mecanismo de trocas materno‑fetal ocorre:
a)     por uma circulação única materno‑fetal, isto é, o sangue da mãe entra em contato direto com o do embrião
b)    por livre difusão, em que a oxigenação, nutrição e remoção de excretas são feitas através de trocas entre a circulação fetal e materna
c)     por transporte ativo, em que o sangue do embrião atrai os nutrientes e o oxigênio do sangue materno
d)    pela ação de hormônios gonadotróficos, que fazem o transporte dos elementos do sangue materno para o fetal
e)     pelo líquido da bolsa de água, que recebe os nutrientes e oxigênio do sangue materno, difundindo‑os até o sangue do embrião.
Resposta B

25.   Quais anexos embrionários das aves têm parte de suas funções exercidas pela placenta, nos embriões de mamíferos?
a)     Alantóide e âmnio
b)    Saco vitelínico e casca
c)     Alantóide e saco vitelínico
d)    Casca e alantóide
e)     Âmnio e saco vitelínico
Resposta C

26.  Em condições normais, a placenta humana tem por funções:
a)     proteger o feto contra traumatismos, permitir a troca de gases e sintetizar as hemácias do feto
b)    proteger o feto contra traumatismos, permitir a troca de gases e sintetizar os leucócitos do feto
c)     permitir o fluxo direto de sangue entre mãe e filho e a eliminação dos excretas fetais
d)    permitir a troca de gases e nutrientes e a eliminação dos excretas fetais dissolvidos
e)     permitir o fluxo direto de sangue do filho para a mãe, responsável pela eliminação de gás carbônico e de excretas fetais.
Resposta D

27.  Escolha a alternativa que traz as palavras que completam corretamente o trecho a seguir.
Fechados em suas cascas de ovo, os embriões de __________ e ____________ devem "viver" com seus produtos residuais até a época de sair da casca. O problema é resolvido pela conversão da amônia em ácido úrico, que é, então, armazenado no(a) _____________.
a)     répteis, aves, alantóide
b)    répteis, aves, córion
c)     anfíbios, répteis, alantóide
d)    anfíbios, répteis, córion
e)     aves, mamíferos, placenta
Resposta A

.
28.  Assinale a alternativa que apresente três vertebrados amniotas:
a)     sapo, tartaruga e galinha
b)    tubarão, sapo e jacaré
c)     tilápia, salamandra e tartaruga
d)    cobra, galinha e camundongo
e)     tubarão, jacaré e camundongo.
Resposta D

29.  Esta questão e a seguinte devem ser respondidas com base na figura I, que é uma estrutura embrionária.


As setas A B C D E apontam, respectivamente, os anexos:
a)     casca, córion, alantóide, saco vitelino e âmnio
b)    córion, casca, alantóide, âmnio e saco vitelino
c)     âmnio, córion, casca, alantóide e saco vitelino
d)    córion, casca, saco vitelino, alantóide e âmnio
e)     alantóide, casca, córion, âmnio e saco vitelino
Resposta B

ORGANOGÊNESE

30.   Numere a segunda coluna de acordo com a primeira:
1.endoderma                      (     ) tecido ósseo
2. mesoderma                    (     ) sistema nervoso
3. ectoderma                      (     ) rins
(     ) fígado
(     ) pâncreas
(     ) glândulas mamárias
(     ) tecido muscular cardíaco

Feita a correlação, a seqüência numérica correta, de cima para baixo, é:
a)     1, 1, 2, 1, 3, 3, 2
b)    1, 2, 3, 3, 3, 2, 1
c)     2, 3, 2, 1, 1, 3, 2
d)    3, 2, 2, 1, 3, 2, 3
e)     3, 3, 2, 2, 1, 1, 1
Resposta C

31.  A estrutura tubular apontada tem origem a partir de um processo de invaginação de células ectodérmicas, que ocorre no dorso do embrião e tem por função originar o(a):
a)     celoma
b)    placenta
c)     notocorda
d)    intestino primitivo
e)     sistema nervoso
Resposta E
.
32.  No esquema ao lado, representativo do desenvolvimento de um cordado, o sistema nervoso, a notocorda e o trato digestivo são representados, respectivamente, por:


a)     3 - 1 – 4
b)    1 - 3 – 4
c)     1 - 3 – 2
d)    3 - 1 – 2
e)     1 - 3 – 5
Resposta B

33.  Nos vertebrados os folhetos embrionários, ectoderme, mesoderme e endoderme, evoluem dando origem, respectivamente, a:



ECTODERME
MESODERME
ENDODERME
a)
epiderme
músculos estriados
vesículas ópticas
b)
pulmões
músculos lisos
cérebro
c)
miocárdio
músculos estriados
tubo digestivo
d)
cérebro
músculos estriados
pulmões
e)
células germinativas
aparelho urogenital
hipófise


Resposta D


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário